google-site-verification: googled7257398dba650b7.html

sexta-feira, 23 de junho de 2017

AS MELHORES ARMADILHAS NATURAIS PARA VOCÊ ELIMINAR FORMIGAS, LESMAS E CARACÓIS DA SUA CASA!


Quem tem planta em casa pode sofrer com a presença de formiga, caracóis e lesmas.
Nem precisa ter um jardim, basta um pequeno canteiro para que esses invasores se alastrem por toda a parte e prejudique a saúde de tudo o que você resolver cultivar.
Para eliminar as pragas de uma vez por todas, você pode fazer alguma dessas excelentes dicas naturais:
Armadilhas para eliminar formigas
1. Borra de café
a borra de café é ótima para afugentar formigas.
Basta espalhar um pouco desse resíduo na área desejada e as formigas sumirão imediatamente.
2. Canela e cravo-da-índia
Dissolva duas colheres de sopa de canela em pó em meio litro de água.
Em seguida, coloque um pouco de cravo-da-índia triturado e jogue em lugares onde há muitas formigas.
3. Óleo essencial de canela (vende-se em lojas de produtos naturais)
Adicione uma colher (chá) de óleo essencial de canela em uma xícara (200ml) de água e mexa bem.
Mergulhe uma bola de algodão nessa mistura.
Depois, passe essa bola de algodão molhada nos armários, mesa e outras áreas onde as formigas podem circular.
Faça isto uma ou duas vez por dia e logo verá todas as formigas desaparecer.
4. Bicarbonato de sódio e açúcar
Misture os dois ingredientes e coloque em lugares onde há formigas.
Armadilhas para eliminar caracóis e lesmas
1. Cerveja
Esta alternativa é bem simples e antiga.
Coloque algumas tampas de manteiga nas áreas mais afetadas pelos invasores e encha com cerveja.
A intenção é que esses pratinhos improvisados fiquem no mesmo nível da terra para que as lesmas e caracóis fiquem preso na bebida.
Depois é só jogá-los fora.
2. Casca de ovo, de carvalho e cinzas
As cinzas da lareira são ótimas junto com as cascas de ovos e de carvalho para repelir as pragas.  
Basta espalhá-las no jardim, pois esta mistura resseca os invasores.
3. Vasos ou vasilhas virados
Se você colocar um vaso ou uma vasilha na terra, mas ligeiramente levantada, provavelmente vai conseguir eliminar várias lesmas e caracóis por dia.
Isso porque essas pragas procuram um lugar com sombra para se proteger contra o sol.
Pode conferir!
Vá todos os dias até a vasilha e veja quantos bichinhos não estarão acumulados lá.
Depois, é só descartá-los num lugar bem longe da sua casa ou no cesto de lixo em um saco fechado.
Para evitar que a proliferação de todas essas pragas, procure deixar o ambiente sempre limpo, removendo tijolos, tábuas e ervas daninhas, pois são os lugares preferidos desses bichinhos.
Régis de Sá

ATENÇÃO! OMEPRAZOL PODE DESTRUIR SUA SAÚDE - ISTO É O QUE ELE FAZ NO SEU CORPO!


Muita gente já usou Omeprazol para tratar problemas gástricos, mas acredite: ele é uma verdadeira bomba.
Para você ter ideia, esse remédio é capaz de inibir o ácido gástrico, que é muito importante para o nosso corpo, pois regula a digestão.
O ácido gástrico nos protege de vírus e bactérias, combatendo doenças causadas por intoxicação.
Mas não pense que é só isso!
O omeprazol causa dependência, já que, para o tratamento de gastrite, costuma-se usá-lo várias vezes, até por mais de um ano.
As consequências são terríveis:
- Anemia
- Depressão
- Demência
- Doenças neurológicas
Isso tudo pode ocorrer porque o remédio prejudica a absorção de vitamina B12, que está diretamente relacionada à produção de células vermelhas no sangue.
Com a ausência dessa vitamina, começamos a ter fadiga, estresse e até insônia.
Sabe o que isso significa?
Que Omeprazol pode prejudicar seriamente o sistema nervoso central, afetando completamente nossa saúde.
Além disso, a droga também pode diminuir a absorção de cálcio, levando a fraturas, problemas ósseos e musculares.
Os idosos são as maiores vítimas dos efeitos colaterais desse remédio, muitos até passam a ter problemas respiratórios.
Pesquisadores do Instituto Kaiser Permanente, nos Estados Unidos, publicaram um estudo sobre os perigos do remédio.
Eles observaram 26 mil pacientes por mais de dois anos e outra.
Uma parte desses pacientes consumia Omeprazol; a outra nunca sequer experimentou a droga.
O resultado foi muito preocupante.
Ao comparar os dois grupos, verificou-se que 65% das pessoas que tinham tomado Omeprazol por dois ou mais anos apresentavam um maior risco déficit de vitamina B12.
O consumo diário implica um risco de 95% de apresentar carências.
O que fazer?
Claro que você deve seguir o tratamento prescrito por seu médico.
Mas há muitos remédios naturais que podem substituir o Omeprazol.
E todos deviam saber disso.
Um desses remédios naturais que podem substituir Omeprazol é o suco de batata-inglesa.
É bem simples.
 
Você vai descascar uma batata-inglesa, ralar e depois espremer até sair o leite.
 
Tome uma colher em jejum ou trinta minutos antes das refeições.
 
Este suco também pode ser consumido quando a pessoa sentir os incômodos da gastrite, pois alivia imediatamente os sintomas.
 
Para azia: tomar durante uma semana.
 
Para gastrite: tomar durante duas semanas.
 
Para úlcera: tomar durante um mês.
Outro excelente substituto natural de Omeprazol é o chá de espinheira-santa.
Para fazê-lo, você vai precisar de:
 
1 colher de sobremesa de folhas secas de espinheira-santa
 
1 xícara (chá) de água
 
Modo de preparo:
 
Ferva a água e despeje-a sobre as folhas de espinheira-santa rasgadas em pedaços pequenos.
 
Abafe a mistura e deixe descansar por alguns minutos.
 
Depois que amornar, coe o chá e tome em seguida.
 
Tome uma xícara antes das refeições principais para proteger o aparelho digestivo e evitar a acidez estomacal.
 
Grávidas devem evitar tomar o chá de espinheira-santa, pois ele provoca contrações no útero, o que pode levar ao aborto.
Régis de Sá

SEMENTES DE MAMÃO PARA DESINTOXICAR FÍGADO, RINS E APARELHO DIGESTIVO!


Como já havíamos dito em outras matérias, a maioria de nós não se preocupa com as toxinas no fígado e nos rins.
 
Parece que o importante mesmo são os cuidados com o cabelo, unhas e dentes.
 
Ou seja, tudo o que for visível e garanta uma boa aparência.
 
No entanto, sabemos que não adianta nada disso se nossa saúde estiver fragilizada.
 
Determinadas comidas e o consumo de álcool e outras drogas permitem que substâncias ruins se instalem em nosso corpo.
 
E quem pode nos ajudar?
 
São justamente os rins e o fígado - eles são capazes de filtrar as toxinas.
 
Se você quer contribuir para o trabalho árduo desses órgãos, cuide-se!
 
Procure consumir alimentos saudáveis.
 
Assim, evitará problemas, como:
 
- Insuficiência renal
 
- Cirrose hepática
 
- Hepatite
 
- Pedras nos rins

 
Neste post, o segredo para a saúde está nas sementes do mamão.
Alguns pesquisadores afirmam que as sementes do mamão são úteis na prevenção da insuficiência renal, contribuindo para a saúde dos rins.
 
Além disso, acredita-se que também são maravilhosas para desintoxicá-los.
Afinal, elas têm propriedades antibacterianas, anti-inflamatórias e antivirais, podendo combater doenças como:
 
- Dor
 
- Artrite
 
- Inchaço
 
- Vermelhidão
 
- Verminoses

 
E ainda pode matar bactérias como a E. coli, Salmonella e Staphylococcus, impedindo muitas infecções.
As sementes, enfim, contêm nutrientes vitais.
Veja como você pode desintoxicar seu fígado:
Prepare uma mistura de suco de mamão com algumas sementes esmagadas de mamão.
Beba o suco durante um mês.
 
O suco de mamão com sementes ajuda na digestão e suas sementes são ótimas para outros órgãos do corpo, como os rins.
 
Você pode também, sempre que comer mamão, aproveitar e ingerir uma colher (sopa) das sementes, tendo o cuidado de mastigar bem.
Há também a opção de comer de 15 a 20 sementes, em jejum, por 30 dias.
Mastigue muito bem.
 
Quer mais?
 
Veja esta outra receita:
 
Pegue duas folhas de mamão, lave e corte-as em pedaços.
 
Em seguida, coloque no liquidificador e bata com um pouco de água (a quantidade é mínima, só o suficiente para bater).
 
Coe depois.
 
Apenas duas colheres (sopa) de suco é o suficiente por dia.
 
Esta receita também é boa para combater câncer de mama, pulmão, cólon, próstata e leucemia - tudo graças ao isotiocianato, poderoso composto natural que é uma verdadeira arma contra tumores, de acordo com diversas pesquisas.
 
Importante: as sementes e as folhas de mamão são contraindicadas durante a gravidez.
Régis de Sá

terça-feira, 13 de junho de 2017

ESTA É A RAZÃO PELA QUAL MUITOS HOMENS TÊM CÂNCER NOS TESTÍCULOS E NEM SEQUER DESCONFIAM!


O câncer, quase sempre,  dá alguns avisos.
São sinais que passam, na maioria das vezes, despercebidos, mas estão querendo nos avisar que algo diferente está acontecendo no nosso corpo.
O câncer nos testículos, por exemplo, tem vários sintomas visíveis, como caroços.
Para que você entenda melhor a doença, vamos falar um pouco sobre esse órgão masculino.
Os testículos produzem esperma e hormônios masculinos.
Em adultos, os testículos podem chegar ao tamanho de um bola de golfe, por exemplo.
Segundo a American Câncer Society, esse tipo de câncer pode atingir qualquer célula que estiver nos testículos.
No entanto, em 90% dos casos, as mais afetadas são as que produzem esperma.
No início do câncer, o testículo fica dolorido e muito sensível.
Também é comum o aparecimento de caroço, inchaço e até dor embaixo do ventre.
Além disso, o paciente tem a sensação de peso no escroto, que é resultado do acúmulo de líquido.
Há também quem sinta as mamas incharem - isso pode durar mais de duas semanas e, se for o caso, procure um médico.
Segundo a mesma organização americana, ter apenas um testículo atingido pelo câncer é o mais comum.
Ou, seja, raramente o problema ocorre nos dois testículos.
Além disso, a doença é mais comum entre os homens de 15 e 35 anos.
Este câncer é, portanto, basicamente uma doença de homens jovens e de meia-idade.
Sabe-se que, quanto mais rápido diagnosticar e tratar, maiores são as chances de cura.
Os fatores são:
- Deformação no testículo (um testículo muito pequeno ou exageradamente grande)
- Genética
- Idade: jovens e adolescentes são mais propensos a desenvolver o câncer
- Etnia: homens brancos têm mais chances de desenvolver o câncer do que homens negros.
Graças a Deus, as chances de cura são altíssimas, pois o tratamento geralmente é eficiente e seguro.
O risco de morte por causa desse mal é pequeno.
A cada 5.000 homens, em média, apenas um morre.
Mesmo assim, é bom ficar atento.
As estatísticas mostram um crescimento no número de casos nos últimos anos.
Portanto, se houver alguma anormalidade nos testículos e durar por muito tempo, não hesite em consultar um médico.
Régis de Sá

Como aplicar óleo de coco corretamente no cabelo para eliminar a caspa e evitar a queda!


Cabelos grisalhos e perda de fios.
Muitas pessoas lutam para combater esses problemas.
Se bem que cabelo branco, no nosso entendimento, é até charmoso, mesmo nas mulheres.
Mas a maioria não pensa assim.
Por isso é muito comum encontrar pessoas pintando os cabelos para esconder a cor cinzenta ou até mesmo branca.
É bom que se diga que cabelo grisalho não aparece apenas como sinal de velhice.
Há muita gente com menos de 30 anos que, por causa da genética, já tem a coloração dos fios alterada.
Além disso, não podemos ignorar o fato de que má alimentação, sedentarismo e uma vida estressante resultam no clareamento dos fios, sem saúde, é claro.
Neste post, você vai saber como combater o embranquecimento precoce dos fios e combater a queda deles com um ingrediente maravilhoso para o cabelo: o óleo de coco.
São quatro receitas extraordinárias com esse incrível ingrediente.
O óleo de coco é extremamente benéfico para a saúde do cabelo.
Ele estimula o seu crescimento, hidrata, dá brilho e nutre o couro cabeludo.
Usado por um longo período de tempo, suas propriedades antioxidantes mudam radicalmente a estrutura dos fios.
Aqui estão as receitas:
1. Óleo de coco e abacate Esta receita, além de escurecer, deixa seu cabelo mais saudável, dando mais vida.
Misture abacate com óleo de coco e aplique nos fios, com a ajuda de um pincel, de preferência.
Em seguida, enrole o cabelo numa touca térmica e deixe agir o produto por 20 minutos – depois remova com água.
2. Óleo de coco e suco de limão
Combine 3 colheres (sopa) de suco de limão com uma quantidade de óleo de coco suficiente para o comprimento de seu cabelo.
Aplique a mistura em seu cabelo e massageie o couro cabeludo.
Deixe agir por pelo menos uma hora antes de lavar o cabelo com xampu.
Faça uma vez por semana e sempre à noite, tendo o cuidado de evitar a exposição ao sol no dia seguinte.
3. Óleo de coco e água
O óleo de coco fortalece o cabelo da raiz até as pontas dos fios.
Misture um pouco de água com óleo de coco e aplique nas áreas onde há mais perda de cabelo.
Faça isso antes de dormir e enxágue a mistura apenas no outro dia.
Repita o tratamento sempre que puder.
4. Óleo de coco com azeite de oliva e óleos essenciais
Esta receita é excelente para interromper a queda de cabelo.
INGREDIENTES
1 colher (chá) de azeite extravirgem de oliva
2 gotas de óleo essencial de tea tree (vende em lojas de produtos naturais ou de artigos para aromaterapia)
2 gotas de óleo essencial de alecrim (vende em lojas de produtos naturais ou de artigos para aromaterapia)
Meia xícara de óleo de coco
MODO DE PREPARO
Coloque o óleo de coco em um recipiente de vidro e adicione aos poucos os outros ingredientes.
Mexa muito bem, para que os óleos fiquem suficientemente misturados.
Mantenha a mistura em um recipiente fechado.
Aplique o produto no couro cabeludo seco, ou seja, antes de tomar banho.
Cubra com uma touca e deixe agir durante 15 minutos.
Em seguida, lave seu cabelo como de costume, com seu xampu e condicionador preferidos.
Observação: Por segurança, faça sempre um teste para ver se ocorre alguma reação alérgica.
Aplique uma pequena quantidade na pele.
Se não ocorrer nada anormal, pode aplicar a receita sem receio.
Régis de Sá