google-site-verification: googled7257398dba650b7.html

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Pesquisadores descobrem método de levar vírus HIV à autodestruição

Pesquisadores descobrem método de levar vírus HIV à autodestruição

imagem
AIDS é responsável pela morte de aproximadamente 2 milhões de pessoas todos os anos, principalmente devido à capacidade que o vírus tem de se tornar resistente aos medicamentos e adquirir características mutantes, fazendo com que mesmo os tratamentos mais modernos não sejam totalmente eficazes.
A medicina já conquistou avanços importantes no combate à Aids, mas ainda há muito o que caminhar. Um novo passo importante foi dado por pesquisadores da Universidade de Drexel, nos EUA, que descobriram uma molécula que engana o vírus e faz ele se autodestruir.
A novidade, chamada de Ação Dupla de Inibição Virolítica (DAVEI, na sigla em inglês), combina componentes modificados da imunidade do HIV com uma proteína que faz o vírus abrir mão de sua proteção. Assim, o DAVEI faz com que o HIV disperse seus componentes, como se ele estivesse acoplado a uma célula. O resultado é a destruição do vírus.
Ou seja: mesmo que o paciente esteja infectado, é possível que uma destruição do vírus aconteça antes que as células sejam contaminadas, prevenindo o desenvolvimento da imunodeficiência.
Um dos maiores obstáculos das buscas da cura da Aids é o fato do vírus HIV desenvolver rapidamente imunidade em relação aos remédios. A pesquisa pode ser uma das alternativas a quebrar este problema.
Ainda há muita pesquisa para ser desenvolvida em relação a tal descoberta, mas ela é um avanço importante. A descoberta é um método mecânico de desativar o vírus HIV –o que, teoricamente, tem potencial maior do que os remédios.
Para que você consiga visualizar melhor os mecanismos acompanhe o vídeo a seguir – em inglês. Ele ilustra a ação da DAVEI de uma maneira bem simples:
Fonte: Olhar Digital

Régis de Sá

Nenhum comentário:

Postar um comentário